Dicas para um final de semana em Vitória/ES

Hoje, vamos compartilhar dicas atualizadas para um final de semana na bela cidade de Vitória, Capital do Estado do Espírito Santo, talvez a cidade que mais visitamos nos últimos anos.

Fato é que além do grande número de amigos que possuímos e que residem na cidade, Vitória apresenta facilidades e atrativos quase imbatíveis aos moradores de Belo Horizonte, principalmente para aquele final de semana de descanso ao lado do mar, e que não exige muito planejamento e custo, as quais podemos destacar os preços das passagens aéreas oferecidos em promoções praticamente semanais (R$ 150,00 ida e volta é rotina), os horários dos vôos (é fácil conseguir vôo na sexta-feira pela manhã com retorno no domingo a noite), o tempo de vôo (45 minutos), bem como os preços praticados na cidade e a proximidade entre as principais praias da região, seja em Vitória, Serra ou na vizinha Vila Velha.

Algumas informações interessantes sobre a cidade:

– É uma das 03 ilhas-Capitais do país (as outras duas são Florianópolis e São Luiz), sendo que também fazem parte da cidade outras 34 ilhas;

– Entre as Capitais brasileiras, possui o 2 melhor IDH (Índice de Desenvolvimento Humano), perdendo apenas para Florianópolis, e foi considerada pela ONU em 2013 a 4 melhor cidade para se viver no Brasil;

– Possui o maior complexo portuário do país (Porto de Vitória e Porto de Tubarão);

– A cidade foi fundada em 8 de setembro de 1551, com o nome de “Vila Nova do Espírito Santo”. Posteriormente, o nome foi mudado para o atual, Vitória, em homenagem e memória à vitória em uma grande batalha comandada pelo donatário da antiga Capitania, Vasco Fernandes Coutinho, contra os Goitacás.

Chegamos ao aeroporto de Vitória numa sexta-feira, considerado pequeno em relação aos aeroportos da maioria das Capitais brasileiras, mas bem organizado, e a primeira providência, foi deslocarmos até o guichê da locadora de veículos, ao lado do portão de desembarque, pois, na minha opinião, é imprescindível para deslocamento tanto por Vitória quanto pelas cidades vizinhas de Vila Velha, Serra, dentre outras.

Através de uma boa pesquisa pela internet, é possível conseguir o aluguel de um Chevrolet Ônix, completo, por R$ 85,00 a diária, Km livre, como foi o nosso caso.

Já equipados, decidimos nos hospedar no Hotel Íbis Praia do Canto, localizado praticamente em frente à ponte Ayrton Senna, no bairro Triângulo das Bermudas, região boêmia da cidade, com bares, restaurantes e pubs, localizado a 8 Km do aeroporto e menos de 10 minutos a pé da beira-mar.

Através de uma nova pesquisa, é muito provável que você encontre valores na faixa dos R$ 150,00 a diária, bastante em conta pela excelente localização, o famoso custo-benefício e o “padrão Ibis de qualidade”.

Caso possua o cartão fidelidade da ACCOR, é possível conseguir descontos incríveis, além do “late check-out”.

Iniciamos as atividades do fim de semana pela orla da Praia de Camburi, cerca de 15 minutos a pé do “Triângulo”, sendo a única praia da parte continental e a maior da cidade, com cerca de 6 Km de extensão, cobrindo os bairros Jardim da Penha, Mata da Praia e Jardim Camburi, muito frequentada tanto por moradores quanto turistas, possuindo inclusive a melhor estrutura hoteleira da região.

Os grandes eventos esportivos da cidade, bem como torneios nacionais e mundiais de vôlei de praia e futebol de areia são ali realizados. Possui um extenso e organizado calçadão, ideal para os praticantes de esportes, além de  quiosques bem estruturados para aquela cerveja gelada e o tira-gosto de todo dia.

Vale lembrar, inclusive, que ao contrário de muitos anos atrás, a praia de Camburi é própria para banho e uma das ótimas opções da cidade.

Camburi03
Calçadão da Praia de Camburi – Vitória/ES
Camburi01
Fim do dia – Praia de Camburi – Vitória/ES

Após uma tarde extremamente descontraída entre velhos e bons amigos, chegou a hora do “Happy Hour”, e o melhor lugar sem sombra de dúvidas é o “Triângulo“, talvez o lugar mais bem frequentado da cidade.

No “Triângulo” você encontra desde restaurantes sofisticados a bares temáticos, passando por pubs da moda e cervejarias especiais, tudo ao gosto do freguês. Qualquer que seja sua escolha, não deixe de degustar a famosa “moqueca capixaba”, fácil de ser encontrada na região.

Fantástico!!

Recomendamos o “Dim DomDom Butequim“, localizado na esquina da rotatória entre as ruas João da Cruz e Joaquim Lírio, no coração do “Triângulo”. Ambiente muito democrático, frequentado por amigos, casais, colegas de trabalho e familiares, eis um ótimo lugar para o início das atividades noturnas, plenamente aprovado pelo “trio parada dura”.

Além da excelente localização, o estabelecimento possui bom atendimento e ótimas opções no cardápio, onde destacamos a chapa mista (frango, lombo e contra filé, servida com batatas assadas e recheadas com creme de queijo), além dos espetinhos com 300 gramas, como “Galo Doido” (tinha que ser!!), que reúne frango, bacon e provolone empanado e frito.

Triangulo05
“Trio Parada Dura” iniciando as atividades noturnas
Triangulo04
Servidos?

 Na sexta-feira, o “Triângulo” encontrava-se completamente lotado. Nas fotos, um dos bares mais tradicionais da cidade, o “Bar Abertura“, outra ótima opção.

Triangulo03
Triângulo das Bermudas
Triangulo02
Afinal de contas, hoje é sexta-feira!!

E para o fechamento da noite com chave de ouro, um pouco do bom e velho rock n’roll no Liverpub, praticamente ao lado do Dim DomDom, considerado por muitos o melhor Pub de Vitória, ótimo para aquele show cover que todos amamos.

Além do rock como estilo musical, possui em seu cardápio uma carta com mais de 50 cervejas especiais, destilados dos mais variados tipos e pratos saborosos. Para mais informações e programação, clique aqui.

Rock01
Sexta, Breja Gelada e Rock n’roll

Iniciamos o sabadão pela Praia de Manguinhos, localizada a 25 Km de Vitória, seguindo pela rodovia BR-101 em direção à ES-010, formada pela união da praia da Enseada, Praia dos Fachos e Praia Chaleirinha, conhecida pelas águas tranquilas, recifes naturais e lindas piscinas naturais em alguns trechos.

Manguinhos01
Ressaca de belas paisagens!!

Rústica e com belas paisagens, trata-se de um lugar ideal para boas horas de descanso junto a família ou amigos.

Dica preciosa: Muitos pescadores profissionais vendem seus pescados em diversos locais à beira-mar, ao gosto do freguês.

Manguinhos02
Sol, sombra e água fresca!!

São 23 Km de lindas praias,  próximas a riachos e lagoas, e uma vasta vegetação nativa.

Manguinhos05

Sugestão para aquela cerveja gelada, acompanhado de belas paisagens e boa gastronomia: Maresia’s Bar e Restaurante, localizado na orla de Manguinhos, com mesas ao ar livre, redes para uma “siesta” e ótimo atendimento.

Maresia
Hora da “Siesta”

Não deixe de experimentar a caipirinha de rum e cajá para acompanhar a porção de polvo na manteiga com torradas como entrada. E para para o prato principal, badejo grelhado com batata sautée, servido com arroz e palmito. Depois é só relaxar numa das redes…

Sensacional!!

Maresia02
Descanso, paz e breja gelada!!

Como já era esperado, o trio parada dura iniciou sem grandes dificuldades as atividades cervejeiras do dia.

Manguinhos04
Reinício das atividades!!

Após uma manhã de muito bate-papo, histórias envolvendo os ícones Gejo, Murilo e Capacete, e muita breja gelada, resolvemos visitar a colônia de férias da Polícia Militar de Minas Gerais, localizada na praia de Carapebus, cidade de Serra/ES, outro lugar ideal para um fim de semana de descanso com a família.

Com areias grossas e águas claras e mornas, semelhante a Manguinhos, também é originária de uma vila de pescadores e hoje é área de proteção ambiental, administrada pelo Projeto Tamar.

Foi muito bom relembrar minha infância e adolescência, pois foi nessa praia, no longínquo ano de 1984, que tive o primeiro contato com o mar…

Bons tempos que não voltam jamais!!

Para os esportistas de plantão: a praia é ideal para a prática de surf, com ondas de até 2 metros de altura.

Aproveitamos para mais uma cerveja, e a chegada do quarto elemento, direto de Guarapari/ES, transformando o “Trio Parada Dura” no “Quarteto Fantástico”.

Vila01
Ahhhh se todo dia fosse assim!!

Para o restante do dia, decidimos visitar a cidade de Vila Velha, localizada a 12 quilômetros ao sul de Vitória, fundada em 1535 pelo português Vasco Fernandes Coutinho, donatário da Capitania do Espírito Santo, sendo então a cidade mais antiga do estado, possuindo várias construções históricas, onde destacamos a Igreja Nossa Senhoria do Rosário, o Forte de São Francisco Xavier de Piratininga, o Farol de Santa Luzia e o Convento da Penha.

Decidimos pelo circuito “praia-cerveja-peruá”, deixando a parte histórica para outra oportunidade, e deslocamos para as Praias da “Costa”e “Itaparica”, após a travessia da bela “Terceira Ponte“, que liga as cidades de Vitória e Vila Velha, a maior obra já realizada no Espírito Santo e uma das maiores do Brasil, sendo o principal cartão-postal da cidade.

Ponte
Vitória e Vila Velha unidas para sempre!!

A cidade de Vila Velha possui mais de 30 quilômetros de litoral, ou seja, toda cortada por praias, e decidimos visitar na parte da tarde as duas mais famosas e bem recomendadas pelos guias de turismo.

A praia da Costa é a mais famosa e movimentada de Vila Velha, e uma das mais conhecidas de todo Espírito Santo, localizada numa orla cercada de edifícios e com enorme variedade de restaurantes e hotéis, próxima a região central.

Vila02

Eis a região mais nobre da cidade, muito bem frequentada e com quiosques bem estruturados.

Caminhamos sem muita pressa pelo imenso calçadão, ideal para a prática de esportes, inclusive à noite, pois a areia também é bem iluminada. No final da orla existem diversos brinquedos ao ar livre, o sonho de qualquer criança.

Para o período da noite, a praia ainda dispõe de barraquinhas no entorno da orla todos os dias, especialmente nos finais de semana, com grande variedade de comidas típicas e artesanato.

Vila06
Praia da Costa – Vila Velha/ES

Caso decida por um “point” mais calmo, prefira os locais próximos ao Clube Libanês, na curva da Sereia. Se preferir um mar mais agitado, com areia limpa e água gelada, vá até as proximidades da Av Champagnat, local que lembra muito as praias cariocas da região dos lagos.

Vila07
Vista privilegiada da orla de Vilha Velha/ES
Vila08
Quarteto Fantástico pronto para as novas missões!!

Cansados das belas paisagens, da brisa suave e da água de côco mais gelada dos últimos tempos, nos despedimos com a foto abaixo, e encerramos as atividades praianas do dia na Praia de Itaparica, a “continuação” da Praia da Costa.

Vila09
“Hasta La Vista, Baby!!”

A praia de Itaparica possui cerca de 5 Km de extensão, e a grande diferença em relação à praia da Costa é a quantidade infindável de quiosques na orla, ideal para aquela cerveja gelada acompanhada de um suculento “peruá”, na companhia de amigos ou da família.

Vila03
Saideira?

Outras diferenças: é fácil encontrar corais nas imediações, e devido as fortes ondas, a prática do surf é muito comum em boa parte da praia, inclusive com a realização de campeonatos locais, estaduais e até nacionais.

O calçadão é ideal para os adeptos do ciclismo, corrida ou mesmo uma boa caminhada, e a areia fica lotada de praticantes de futebol de areia, futvôlei, vôlei e até mesmo “frescobol”.

Vila04
Caminhada? Só amanhã!

Para o encerramento das atividades de um sábado muito produtivo, decidimos pela “saideira” num dos inúmeros quiosques da orla, acompanhado do famoso peruá, peixe típico da região e já recomendado nesse post.

Vila05
Missão Cumprida!!

Para o “drink” noturno de sábado, recomendamos o restaurante “Canto da Roça“, localizado mais uma vez no “Triângulo”, mais especificamente na rua João da Cruz, nr 280 – Praia do Canto, especializado em petiscos “da roça”, cerveja gelada e ambiente bem descontraído.

Enfim, o domingão!!

No nosso roteiro separamos todo o dia para a Ilha do Boi, que na verdade não é uma ilha, e sim um conhecido bairro nobre, residencial e de classe alta de Vitória.

No entanto resolvemos antes visitar rapidamente a famosa Enseada do Suá, localizada logo atrás do Shopping Vitória, onde você terá a oportunidade de fotografar de forma privilegiada a baía de Vitória, a 3 ponte, o Morro do Moreno, o Convento da Penha e até o 38 Batalhão de Infantaria do Exército, além de caminhar, correr e pedalar à vontade e sem problemas pelo calçadão que segue boa parte da orla.

Vit01
Enseada do Suá – Vitória/ES
Vit02
Vista privilegiada da 3 Ponte – Vitória/ES

Após uma sessão muito proveitosa de fotos, iniciamos nosso “tour” pelas principais praias da Ilha do Boi, começando pela “Praia da Direita”, também conhecida por “Praia Pequena”, de fácil acesso e bem sinalizada, logo atrás do Shopping Vitória.

Se você busca tranquilidade e paz numa enseada aconchegante e pequena, além de uma brisa suave com vista privilegiada para a praia de Camburi, eis o local que você procurava.

Vit03
Praia da Direita

A praia ainda conta com uma pequena ilha de preservação ambiental para embelezar nossa foto.

Vit04

A apenas 200m de distância da “Praia da Direita“, temos uma segunda opção para aqueles que buscam mais agitação, melhor estrutura, com muita sombra e um belo visual da cidade: “Praia da Esquerda”.

Vit05
Hora do descanso merecido!!

Muito bem frequentada, possui areia fininha e águas cristalinas, ideal para banho, e possui ainda barraquinhas para lanches, aluguel de cadeiras de praias e um espaço para a prática de esportes.

Vit06

No entanto, decidimos permanecer o restante do domingo numa 3 opção, também nas proximidades, na minha opinião uma das melhores praias de Vitória: “Curva da Jurema”, também localizada na Enseada do Suá, entre a Ilha do Boi e a Ilha do Frade.

Vit07
Curva da Jurema

A Curva da Jurema possui excelente estrutura, com quiosques, chuveiros e banheiros, belíssimas paisagens, águas transparentes e calmas, possuindo ainda estacionamento gratuito e seguro, ideal para um dia ensolarado de domingo e aquela breja gelada com cara de “saideira”.

Vit08

Decidimos permanecer no “Kiosque do Alemão“, ali mesmo no calçadão da curva da Jurema, com ótima localização e vista fantástica da orla.

Vit09

Nossas sugestões para o cardápio do dia: pastelzinho de camarão, o arroz com polvo ou a famosa “Mariscada”.

Vit10
O jeito é admirar!!

Aproveitamos boa parte do domingão para admirar as belíssimas paisagens.

Vit11

Vit12

Para o “Grand Finale”, almoçamos no famoso restaurante “Papaguth“, especializado na culinária regional capixaba, localizado na entrada da baía de Vitória, no chamado Mirante da Praça do Papa/Enseada do Suá, outro ponto que nos proporcionou ótimas fotos e momentos de puro deleite.

Vit14
Mais uma vez a 3 Ponte!!
Vit15
Praça do Papa

Com excelente atendimento, comida de ótima qualidade e preços justos, trata-se de um lugar muito agradável e ideal para a degustação da gastronomia capixaba, além, é claro, da vista privilegiada da Baía de Vitória.

Vit16

Vit17

Nossa sugestão para o cardápio do dia:

– Entrada: Pastéis de Camarão com aquela breja gelada;

Vit18
Eu quero!!

Informação importante: O Papaguth faz parte da seleta Associação da Boa Lembrança, que reúne os melhores chefs e restaurantes do Brasil. Cada um deles, como forma de transformar um ítem do cardápio em algo inesquecível, presenteia o cliente com um prato em cerâmica pintada em detalhes da iguaria.

Eis o nosso presente, e nossa lembrança inesquecível desse final de semana em Vitória!!

Vit19
Ótimas lembranças!!

Prato Principal: Arroz de Polvo e Camarões, que é o prato da Boa Lembrança, e moqueca de peixe com molho de camarões;

Vit21
Dá pra repetir?

Ou seja: TUDO com camarões!!

Vit22
Delicious!!

Depois de um final de semana regado a muito bate papo entre velhos amigos, brejas geladas, lindas praias e gastronomia de primeira, o jeito é retornar à velha rotina, aguardando as próximas viagens…

E os próximos relatos!!

Semana que vem tem mais…

Fábio Almeida

Major, 43 anos, conhece 38 países, viajante inveterado, cinéfilo, apreciador de vinhos e cervejas especiais, fotógrafo amador, viciado em natação, corrida e quadrinhos! Força na Luta! Sempre!

One thought on “Dicas para um final de semana em Vitória/ES

  • 19 de setembro de 2017 em 15:45
    Permalink

    Sou capixaba e adorei o relato de vocês! Deram um roteiro mastigado para qualquer pessoa que aprecie praia e que ficará apenas na Grande Vitória. Claro há outras coisas em Vitória e em Vila Velha para conhecer, como os parque Pedra da Cebola, Gruta da Onça, o Moscoso; a subida (pela trilha ou estrada) no morro do Moreno e o Convento da Penha; Reis Magos; Jacaraípe; Museus, inclusive o museu Ferroviário; passeio de escuna, caiaque; Visita à chocolates Garoto, casa da Memória, etc, etc, etc. Mas quem conseguiria curtir tudo isso em tão poucos dias como vocês tiveram? E fazer as coisas muito corridas acaba virando uma obrigação. Pelo relato e pelas fotos vemos que vocês realmente “curtiram” o passeio e não só conheceram algumas partes de Vitória. Parabéns!!!

    Resposta

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

Translate »