Descubra Minas Gerais – Parte II – Lavras Novas

Continuando a edição dos post´s “Descubra Minas Gerais”, não podia deixar de falar de mais uma cidade encantadora e extremamente romântica para conhecer em Minas Gerais.
Lavras Novas é um paraíso em meio às montanhas de Minas, a apenas 117 km de Belo Horizonte, é um pequeno vilarejo como ótima opção para fugir do estresse da grande Cidade.
Eu e o Fabio fomos em Lavras Novas em uma época de bastante frio. (Eu, particularmente, amo estas épocas frias para aproveitar um delicioso lugar ao lado do meu amor). Mas a temperatura durante o dia estava tranquilamente agradável, sendo que apenas a noite as temperaturas caiam… quando tivemos que usar até um gorrinho para a cabeça.
No aconchego de uma pousada, no sabor de um bom vinho, no calor de uma lareira, curtimos ainda mais a doce companhia do nosso amor.
Lavras Novas é um lugar extremamente calmo, tipicamente de curtir a natureza… As caminhadas pelas trilhas ou até mesmo pelos becos da cidade são surpreendentes. A cidade reserva um charme especial para a noite. Seus bares são aconchegantes e agitados, promovendo os famosos forrós de Lavras Novas, para enfrentar as noites frias, de muita neblina.
A população de Lavras Novas é acolhedora, o que tornará adorável sua permanência na cidade.
Uma das coisas que mais gostei em Lavras Novas, além das caminhadas ecológicas, foi que a cidade é composta por apenas uma rua principal, com algumas vielas que a cruzam. É fácil percorrê-la, conhecê-la e encontrar com algum conhecido. Então, caso queira conhecer esta cidade, vai a primeira dica: deixe seu carro no hotel, e caminhe a pé pelo vilarejo e suas rendondezas.

COMO CHEGAR?
O caminho mais perto de Belo Horizonte é indo pela BR 040, sentido Rio de Janeiro. Fique atento para visualizar a entrada de Ouro Preto, e então, é só seguir a sinalização.
Principais distâncias:
De BH: 117 Km;
De São Paulo: 682 Km;
De Vitória: 442 Km;
De Rio de Janeiro: 403 Km.
ONDE FICAR?
Quando fomos em Lavras Novas, ficamos hospedados na Pousada Bem Querer (http://www.lavrasnovas.com.br/bemquerer/index.htm), onde fomos muito bem acolhidos pelo proprietário Fabio.
A pousada tem tudo que precisávamos: um quarto limpo e aconchegante, café da manhã, estacionamento, com uma diária bastante acessível, onde o custo-beneficio foram plenamente atingidos.

Outras boas dicas de hospedagem são as pousadas “Carumbé” e “Menestral”, esta segunda é de propriedade do conhecido ator Jonas Block:

– Pousada Carumbé, http://www.carumbe.com.br/, fica bem na entrada do vilarejo. E uma boa dica é ficar atento à programação dos finais de semana, pois sempre acontecem shows ou algum evento especial.

– Pousada Menestral, http://www.lavrasnovas-pousadas.com.br/principal.htm. Destaque para o café da manhã colonial. Hum! Delícia demais! Caso não fique hospedado nesta pousada, não deixe de conhecer as deliciosas tortas do Café Menestral.

DICAS DE PASSEIO:
Gente, outro “causo” das viagens da Fabiane. Rss….
Quando fomos em Lavras Novas, estava louca para conhecer a famosa “cachoeira dos namorados”, e tive informação de que ela ficava bem próximo do centro do vilarejo… mas tinha me esquecido da expressão dos mineiros “fica logo ali….” Porque sinceramente, mapas não me ajudam em nada neste tipo de local. Como você vai identificar uma trilha? Rss…. Salvo melhor engano de uma leiga.
Em noite anterior, comi um pastel frito que não me fez muito bem. Extremamente delicioso! Mas não sei se era devido ao horário que o comi, ou se devido a gordura… mas me deu uma terrível dor no estômago.
Então, no outro dia acordamos cedo, colocamos nossa roupinha de caminhar e fomos conhecer a “cachoeira dos namorados”.
Não sei se hoje já mudou, mas não vi placa nenhuma que direcionava à cachoeira (também me desculpem se estiver equivocada, já que com a forte dor no estômago, era dificil observar placas no local), e assim, fomos andando, andando, andando… e quando nos demos conta, o “ali” não chegava, e já tinhamos andado 03 (três) horas.
A dor no meu estômago estava tanto, que eu já não suportava, e rogava a Deus socorro e amparo, até que achamos uma cachoeira. Detalhe: não era a cachoeira dos namorados! Mas nós não sabíamos, e eu fiquei tão desanimada com a visão que tive, que pensei: “puxa vida, andei tanto e com dor por isto…”
Mas mesmo não sendo o que eu esperava, a visão foi linda e lá pudemos descansar um pouco e curtir a linda natureza:

No caminho de volta, que durou mais 03 (três) horas, encontramos a tão famosa “cachoeira dos namorados”, mas não consegui conhecê-la, deixei apenas para o Fabio, pois estava cansada demais! Não é qualquer simples mortal que anda por quase 06 (seis) horas.

O bom foi que na volta, paramos num delicioso restaurante e comemos uma saborosa comidinha mineira

Então, segunda dica sobre Lavras Novas: se não está encontrando a cachoeira que procura, volte! Ficar perdido é muito ruim, além do que perdemos muito tempo andando sem rumo… ps: tem uns morros enormes, que achei extremamente dificéis de subir.

Segue lista de lugares que você não pode deixar de conhecer:
Cachoeira dos Namorados. Nível de dificuldade: médio.
Cachoeira Três Pingos, é a mais perto! Nível de dificuldade: leve.
Cachoeira Pocinhos: São duas, Pocinhos de Cima e Pocinhos de Baixo. Nível: leve.
Represa do Custódio. Não fomos, mas dizem que é linda!
Serra da Chapada: indicada para Trekking e escalada. Não fomos. A dica é ver o pôr do sol.
Serra do Trovão: é linda!!!! E está a apenas 3 km do centro.
ONDE COMER?

Gente, Lavras Novas tem muitos lugares para comer. Como bares, restaurantes, etc… à noite, não deixe de saborear um delicioso e quentinho caldo de feijão nos bares da rendondeza….

Bar e Restaurante Mar a Mais: http://www.lavrasnovas.com.br/maramais/index.htm. Você encontra o famoso frango com quiabo e angu, além de deliciosos frutos do mar.
Restaurante D’Uialá, http://www.lavrasnovas.com.br/pousadaduiala/restaurante/index.htm, foi um dos que mais gostei. Comida mineira com delicioso tempero, feita no fogão a lenha.
Maiores informações osbre gastronomia em Lavras, acesse: http://www.lavrasnovas.com.br/gast_restaurantes.html.

Amo esta foto!!!! Acho este lugar lindo, parece uma pintura feito a mão! Vejam:

Dicas extras: não deixe de levar agasalho, pois as noites são bastante frias, e tire um dia para ir ao centro histórico de Ouro Preto que está a apenas 22 km de Lavras Novas.
Até o próximo post!

Fabiane Teixeira

Brasileira, Mineira de Belo Horizonte, 35 anos, conhece 38 países, é Advogada e Professora de Direito Civil, e nas horas vagas Viajante e Blogueira. Junto com meu Fábio vamos conhecer e te apresentar o mundo!

6 thoughts on “Descubra Minas Gerais – Parte II – Lavras Novas

  • 16 de janeiro de 2013 em 19:23
    Permalink

    Eu sou de Ouro Preto, conheço muito Lavras Novas, onde tenho vários amigos que estudamos juntos na ETFOP(Escola Técnica Federal de Ouro Preto. È bonito, hoje resido em Para de Minas, trabalho na area de Seguros em Geral:www.wpimentelseguros.com.br

    Resposta
  • 16 de janeiro de 2011 em 15:21
    Permalink

    Ei, querida Bebel!

    Boa tarde!

    Obrigada pela visitinha no meu blog!
    Primeiro, que ótimo saber que está aqui em BH, e que gostou do post de Lavras Novas…
    Vocês dois vão amar a viagem! E não dúvido que será um excelente cenário para comemoração do aniversário de casamento.

    Quanto a dicas de Maceió, que acha de fazermos as dicas juntas? Fazer uma parceria para a postagem no blog?

    Fui a Maceió em maio de 2009, e ameei! Conheci Maragoggi, Dunas de Marapé, e vários lugares em Macéio… foi ótimooooo! Já juntei algumas coisas para colocar no post… e sua ajuda será bem vida!

    Beijos

    Resposta
  • 15 de janeiro de 2011 em 02:48
    Permalink

    Meninaa! amei suas dicas, sou nordestina(Maceió- Al) estou morando em Bh a menos de 1 ano com meu lindo amor! Estamos indo em Fev. a Lavras Novas comemorar 1 ano de casamento e niver de ambos e suas dicas foram de bom tamanho! Caso queira dicas de lindas praias em Maceió-Al (paraíso das aguas) será um grande prazer 🙂 ([email protected]) Abraço!

    Resposta
  • 13 de dezembro de 2010 em 02:44
    Permalink

    Olà Fabiane !!!!!!!
    Obrigada por ter passado no meu blog e seguir!
    Nossa que viagem linda essa? Adorei!!!!!!!!!!!
    bjussss
    Lanna-http://viversorriramarporlanna.blogspot.com/

    Resposta
  • 12 de dezembro de 2010 em 20:07
    Permalink

    Oi Fabii….fotos lindas…hoje minha tia ligou de Salvador chamando a mim e ao meu marido pra a gente ir pra essas cidades históricas de Minas…na mesma hora me lembrei dos seus posts…hhehe….e daí que resolvemos combinar para janeiro, se tudo der certo…menina, meu blog de História tá meio abandonado, mas no ano que vem vou me dedicar mais a ele…beijos e se puder, me add no orkut, flor…http://www.orkut.com.br/Main#Home

    Resposta

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Translate »