Um dia de passeio no Valle Nevado, Chile

Em nossa última viagem ao Chile, em setembro/12, conhecemos a famosa estação de esqui do Valle Nevado.

 

Na verdade, existem várias estações de Ski no Chile, mas as mais conhecidas são: Portilho, La Parva, El Colorado/Farellones, Valle Nevado e Termas de Chillán. Todas as estações são compostas de pistas, aulas de Ski e oferecem aluguel de equipamentos. Mais ao sul do país, também se encontram outras estações, como a Pucón.
Para conhecer mais sobre cada Estação de Ski acesse aqui.
Escolhemos Valle Nevado por ser o maior centro Ski do Chile.
Valle Nevado está localizado a 44 km de Santiago, no caminho para Farellones, foi inaugurado em 1988, contando com três hotéis com capacidade de alojar mais de 800 pessoas. O Hotel Valle Nevado possui um estilo mais refinado, com uma vista espetacular para a Cordilheira dos Andes (mas o valor da diária é alto. Para conferir o valor das tarifas, acesse aqui.)
Como não ficamos hospedados nos Hotéis do Valle Nevado, realizamos o transporte pela empresa Turistik, que faz o transfer Hotel/Valle Nevado/Hotel, pelo valor de 21.000 pesos Chilenos, ou US$ 50,8.
Do ponto de encontro dos turistas, no Parque Arauco, o passeio dura cerca de 1h30/1h40h. E poderia ser mais rápido se não fossem as mais de 50 curvas de 180º que encontramos pelo caminho de subida à Cordilheira do Andes.
A subida, apesar de ser meio cansativa devido as curvas, possui vista exuberante!
Quando o caminho está coberto por neve, o uso de correntes no pneu é obrigatório. E durante o caminho existem inúmeras pessoas que oferecem o aluguel das correntes e colocação. Acho importante para aqueles que forem por conta própria (ou seja, alugar veículo em Santiago), que se informem sobre a possibilidade da estrada estar com neve ou não. Pois quando fomos, vimos um casal de turistas colocando as correntes nos pneus, e não estava nevando. Logo, não havia necessidade de colocá-las.
Durante a viagem, uma lista com o nome completo de todos os viajantes do ônibus é entregue à Polícia Chilena, para fins de reconhecimento em caso de acidente.
Logo que se chega ao Valle Nevado, na recepção do Centro de Ski, você consegue comprar os Tickets de ingresso para a pista, além de realizar o aluguel de roupas, equipamentos, etc.

 

 

Sinceramente, é o pior momento do dia!!!! Perdemos no mínimo 2 horas com esta brincadeira de compra de tickets, aluguel de roupas e equipamentos, conferência do equipamento. Já saímos cansados de lá… Sem contar que, para aqueles que irão esquiar, é obrigatório o uso da bota do Ski, que é pesada e bem difícil de se locomover.
Outros itens necessários para quem vai esquiar são: roupa impermeável, luva e óculos de sol. Jamais permaneça sem óculos, pois a neve reflete muito forte e pode causar até mesmo cegueira, dependendo do tempo de exposição.
O valor para o Ticket da pista/teleférico (das 09h às 17h) é de 39.000 Pesos Chilenos por pessoa. Sendo que o valor do aluguel do equipamento é de 24.500 pesos Chilenos por pessoa. O valor do aluguel do ticket e equipamento é de 64.000 Pesos Chilenos por pessoa.
O valor do aluguel da roupa impermeável é em torno de 21.000 Pesos Chilenos, e o aluguel do óculos custa 3.500 Pesos Chilenos.
Caso opte por fazer aula o valor é cobrado a parte, sendo que ticket + equipamento + aula coletiva, sai por 70.000 Pesos Chilenos, por pessoa, em alta temporada.
O valor para guardarem suas coisas é de 3.000 Pesos Chilenos. E é extremamente essencial, pois não há possibilidade de ir para a pista com bagagens, bolsas, etc…

 

 

Antes de chegar na entrada das pistas, existem alguns restaurantes e bares dos hotéis, além de alguns quiosques para lanches. Todos aceitam cartões de créditos, e o preço é também um pouco salgado. Mas não deve deixar de fazer um lanche antes de ir para a pista. A atividade exige grande esforço físico, e sem alimentação prévia, o risco de mal estar é alto.
Não fizemos aula de Ski, mas observamos algumas regrinhas que outros realizavam, como manter o equipamento um pouco fechado para ir freando. Mas, em que pese tais cuidados, os tombos foram inevitáveis!

 

 

O teleférico é utilizado tanto para passeios, quanto para transporte para outras pistas de Ski.

 

 

O equipamento de Ski é calculado para cada um, de acordo com altura e peso, e ajustado pelos empregados do Valle Nevado.

 

 

Por questões de segurança, depois que você coloca o equipamento, ele tem uma trava que só é liberada com um grande esforço. Então, em caso de quedas, fica extremamente difícil se levantar sem ajuda de outra pessoa.

 

 

E este vai e vem, carregamento de equipamento, tombos e quedas, dá um calor absurdo! E na verdade, mesmo estando na neve, sentimos bastante calor. Entretanto, logo que saímos da pista, o frio também foi excessivo!

 

 

Uma dica para quem vai ao Valle Nevado e pretende esquiar é de que, a agência de turismo agendou o horário de 15:45h para encontro no ônibus e retorno a Santiago. Então, saímos da pista às 14h, porque sabíamos que o stress de entrega de equipamento e roupa seria certo. E para não ter problemas com o tempo, optamos por fazer isso com um tempo de segurança. Não deixe para o último momento, a fila é extensa, a burocracia de entrega, recolhimento de caução, etc., não exime a nenhum dos visitantes.
Por fim, concluímos que a vivência foi necessária. Se não tivéssemos ido às pistas de Ski, talvez o arrependimento seria grande. Todavia, achamos bem cansativo se locomover com a bota, além de carregar o equipamento de Ski. A “brincadeira” de esquiar é ótima! Mas para quem realmente gosta de grandes aventuras e tem prática para exercer tal atividade.

Valores:

Tranfer Hotel/Valle Nevado/Hotel: 21.000 Pesos Chilenos, por pessoa
Ticket Ski + equipamento: 64.000 Pesos Chilenos, por pessoa
Aluguel de roupa (calça, jaqueta, luvas e botas): 21.000 Pesos Chilenos, por pessoa
Aluguel de óculos: 3.500 Pesos Chilenos, por pessoa
Total: 109.500,00 por pessoa. Em torno de R$ 468,33, cotação em 08/10/2012.

Para o casal, um dia de passeio no vale nevado fica em torno de R$ 936,66.

Fabiane Teixeira

Brasileira, Mineira de Belo Horizonte, 35 anos, conhece 38 países, é Advogada e Professora de Direito Civil, e nas horas vagas Viajante e Blogueira. Junto com meu Fábio vamos conhecer e te apresentar o mundo!

4 thoughts on “Um dia de passeio no Valle Nevado, Chile

  • 10 de outubro de 2012 em 00:58
    Permalink

    oi minha amiga, você sempre chiquérrima nas suas viagens,né?

    Vejo que se deu muito bem nos skis, parabéns!

    Conheço o Valle Nevado, mas de ski sou péssima, quando vou a lugares como estes é só pra admirar a neve, pois da única vez que tentei usar um equipamento de ski quase morri de vergonha e de desespero…então, resolvi: esportes de neve não são o meu forte!fazer o que né?

    abraço pra você, boa noite!

    Resposta
    • 10 de outubro de 2012 em 12:08
      Permalink

      Rê, não me dei bem não! Foram muitos tombos, e também conclui que isso não é para mim não! Rsssssss…. Beijos.

      Resposta
  • 9 de outubro de 2012 em 19:00
    Permalink

    Olá Fabi,
    fiquei de boca aberta com as fotos, tudo perfeito, arrasou!
    Obrigada pelas dicas, valeu!

    Beijos e sucessos sempre!

    Resposta

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

Translate »