Roteiro de um dia em Bath, na Inglaterra

Desde a primeira vez que estivemos no Reino Unido, em 2015, nossa vontade era de conhecer todas as cidades possíveis a partir de Londres. Mas é claro que isso não é possível em um curto espaço de tempo, motivo pelo qual não foi possível conhecer Bath daquela vez. Mas a boa notícia é que conseguimos retornar no Reino Unido em janeiro de 2017 para uma viagem de um mês, e então tivemos tempo para incluí-la em nosso roteiro (para ver mais detalhes sobre nosso roteiro de trem no Reino Unido, clique AQUI). Então, resumimos neste post todas as dicas para conhecer Bath, além de onde se hospedar e o que fazer na cidade com um roteiro de um dia.

Pelas Ruas de Bath, na Inglaterra
Pelas Ruas de Bath, na Inglaterra

Bath é uma cidade do sudoeste de Inglaterra, localizada no Condado de Somerset, e fica em torno de uma hora e meia de trem a partir de Londres. É uma cidade que, apesar de ser possível  fazer um bate-volta a partir de Londres, vale a pena pelo menos pernoitar na cidade, especialmente para quem deseja conhecer Cotswold, já que é um excelente ponto de partida.

A cidade de Bath não ficou famosa somente pelo complexo de banhos termais construído pelos Romanos, mas também por todo o charme de uma cidade tipicamente inglesa, e pelo fato de que Jane Austen, autora de “Orgulho e Preconceito”, viveu por longos anos ali, aonde teve grande influencia para escrever seu romance.

Conta a história que Bath foi criada depois que os romanos, apaixonados pela cidade, decidiram aproveitar as termais naturais existentes na região e construíram um complexo de banhos com águas que acreditavam ser de propriedade milagrosa e curativa. Mas a história de Bath parece ser bem mais antiga do que isso.

Pelas Ruas de Bath, no Reino Unido
Pelas Ruas de Bath, no Reino Unido

Bath é um verdadeiro charme, um lugar que mescla história com arquitetura neoclássica palladiana, uma cidade que merecidamente foi declarada como Patrimônio Mundial da UNESCO, em 1987.

Pelas Ruas de Bath, no Reino Unido
Pelas Ruas de Bath, no Reino Unido

Breve histórico sobre Bath

Conta-se que Bath foi fundada pelos romanos no século I d.C., diante do interesse em aproveitar as águas termais da região. Portanto, construíram banhos termais que possuem atualmente mais de 2.000 anos, que estão ainda muito bem preservados! Mais tarde, durante a Idade Média, a cidade tornou-se um importante centro para a indústria de lã, mas somente no Século 18 passou a ser considerada uma charmosa e elegante cidade de Spa, literatura e arte.

Como chegar em Bath a partir de Londres:

Apesar de existirem alguns passeios a partir de Londres que incluem Bath e outras cidades no mesmo dia, como este Tour, a cidade merece pelo menos um dia. Acredito que estes passeios devem ser considerados apenas para quem tem pouco tempo na região, especialmente em Londres, e gostaria de conhecer um pouco do interior da Inglaterra.

Mas nós optamos por pernoitar em Bath, assim como em Oxford. E para quem quer facilidade, mais liberade e não curte estes passeios em grupo, pode realizar o passeio por conta própria, de trem, a partir de Londres.

Compramos os tickets de trem pela Virgin Trains, e em janeiro foi bem barato o trecho de Oxford/Bath Spa (11 Libras por pessoa). Entretanto, no verão costuma ficar um pouco mais caro o ticket. Os trens partem de Paddington Station, em Londres, com destino a Bath Spa, possuem duração de 1:30h, e custam em torno de 27,80 Libras para o horário de 09:20h, e 25,00 Libras o retorno para às 20:43h no mesmo dia.

Mas você pode pernoitar na cidade e voltar para Londres, no outro dia, depois das 9h (27,80 Libras). O horário das 6h às 09:00h, tem muita gente que está se deslocando entre as cidades por motivo de trabalho, então, coincidentemente, costuma ser mais caro. Opte por depois das 9h. Mas ser viajar como nós fizemos em janeiro, que é inverno e os dias são mais curtos, melhor ir bem cedo mesmo, para aproveitar mais o dia, já que o deslocamento estará ainda escuro (o sol nasce por volta das 08:40h no inverno).

Onde se Hospedar em Bath:

Ficamos hospedados no Holliday Inn Express Bath, com excelente custo benefício. As diárias em janeiro (inverno) são em torno de 80 Libras para casal, com café-da-manhã incluso. O hotel está localizado a uns 20 minutos de caminhada do centro de Bath, possui estacionamento e é bem confortável.

Holliday Inn Express, em Bath
Holliday Inn Express, em Bath

Para outros hotéis em Bath, clique AQUI. Ao realizar as reservas através de nossos links, vocês não pagam nada a mais por isso, e nós recebemos uma pequena comissão que ajuda na manutenção do blog 🙂

O que fazer em Bath:

Bath é uma cidade que dá para conhecer a pé, mas para quem não gosta muito de andar, existe a possibilidade de passar por todos os pontos turísticos da cidade através dos red bus, City Sightseeing Bath. O ticket custa 19,50 Dólares por adulto. Ou se preferir andar a pé, pode seguir nossa sugestão de roteiro de um dia em Bath, conforme o mapa abaixo:

  • Termas romanas de Bath;
  • Abadia de Bath;
  • Parede Gardens;
  • Pulteney Bridge;
  • The Jane Austen Centre;
  • The Circus;
  • Royal Crescent;
  • Thermae Bath Spa

Antes de começar seu passeio, o ideal é passar no Visitors Information Centre, ao lado das Termas Romanas e Abadia de Bath (Abbey Chambers, Abbey Churchyard, Bath BA1 1LY). Lá você adquire mapas e algumas informações essenciais para desbravar a cidade.

Termas Romanas de Bath (Roman Baths)

Conta-se que os Romanos, encantados com as águas termais de Bath e cientes das suas propriedades medicinais e de cura, decidiram realizar a instalação de banhos públicos, por volta dos anos 70 d.C., na cidade que, até então, era chamada de Aquae Sulis. O que eles não imaginavam é que aqueles banhos se tornariam uma das atrações mais visitadas no Reino Unido.

Na foto abaixo, dá para ver sua entrada que fica bem ao lado da Abadia de Bath:

Vista para a Abadia e para os Termas Romanos de Bath, na Inglaterra
Vista para a Abadia e para os Termas Romanos de Bath, na Inglaterra

Depois de adquirido o ticket para visitar as Termas Romanas (você pode adquirir pelo site clicando AQUI, ou diretamente no local – aceitam cartões de crédito), você recebe um mapa para poder aproveitar melhor sua visita. Você também pode utilizar um audioguia, disponível em 16 idiomas inclusive em português, que descreve todos os pontos do local. Foi muito fácil visitar as Termas Romanas utilizando o mapa e audioguia que recebemos logo na entrada. Para ver o mapa e ter ideia de toda a extensão destes banhos romanos, clique AQUI.

Termas Romanas, em Bath
Termas Romanas, em Bath

Você pode visitar todos os pontos das Termas Romanas, só não é possível entrar na água. A visita começa pelo Terraço, de onde é possível ter uma bela vista para o “Grande Baía” ou “Grande Banho”, ao longo de um belíssimo caminho com várias estátuas de imperadores romanos, que, inclusive, possuem vista para a Abadia de Bath. As estátuas datam 1894, e estão lá desde a inauguração dos banhos, que se deu em 1897.

Durante a visita, é possível ver alguns personagens circulando pela área que foram baseados em pessoas reais que viveram e trabalharam na Aquae Sulis, como era chamada Bath há 2.000 anos. É tudo muito real e te faz realmente voltar no tempo. Para ler mais informações sobre todos os pontos visitados nas Termas Romanas, clique AQUI.

Termas Romanas, em Bath
Águas a 46ºC nas Termas Romanas, em Bath

Todos os dias são 1.170.000 de litros de água a uma temperatura de 46ºC que saem dali há milhares de anos. Antigamente, o povo não entendia este fenômeno mais conhecido como “sistemas geotérmicos aprimorados”, e acreditava que se tratava de obra dos deuses. Imaginem como o lugar era místico!

Vale muito a pena uma visita no interior das Termas Romanas de Bath, e ao final, você ainda pode tomar um gole da água do Spa que possui 42 minerais e acredita ter poderes de cura, no Pump Room (está incluído no preço de entrada). Você pode ainda ter refeições no local como café-da-manhã, almoço, jantar e até mesmo chá-da-tarde. Veja mais detalhes sobre as refeições nas Termas Romanas de Bath clicando AQUI.

Endereço: Stall St, Bath BA1 1LZ, Reino Unido / Horário de Funcionamento: Janeiro – Fevereiro: 09:30 – 17:00, saída 18:00 – Março – 16 Junho: 09:00 – 17:00, saída 18:00 – 17 Junho – 31 Agosto: 09:00 – 21:00, saída 22:00 – Setembro – Outubro: 09:00 – 17:00, saída 18:00  – Novembro – Dezembro: 09:30 – 17:00 , saída 18:00 – Valor do Ticket: 15,50 Libras (os preços variam durante as estações do ano, o valor de 15,50 Libra é de setembro a dezembro de 2017. Confira sempre os preços atualizados clicando AQUI).

Para visitar o site oficial das Termas Romanas de Bath clicando AQUI.

Abadia de Bath (Bath Abbey):

Há mais de 1.200 anos, era um lugar de adoração cristã. E o que é mais curioso é que, desde 757 d.C., três igrejas diferentes ocuparam o  lugar. Primeiro, foi uma igrejinha anglo-saxônica, mas que foi derrubada pelos normandos da Inglaterra por volta do ano de 1.066. Depois disso, em 1.090, começaram a construção de uma catedral normanda, mas que, infelizmente, seu mosteiro não conseguia sustentá-la financeiramente, e, no final do século XV, a catedral já estava em ruínas. E somente em 1499, foi fundada a atual Abadia, uma das últimas grandes igrejas medievais da Inglaterra. Leia mais sobre a história da Abadia clicando AQUI.

Interior da Abadia de Bath
Interior da Abadia de Bath

Além de seu interior belíssimo, é possível fazer um “Tower Tour“, disponível todos os dias, com exceção do domingo, que oferece vistas deslumbrantes da cidade, e de ver de perto vários detalhes dos bastidores da Abadia de Bath. Infelizmente não foi possível fazer este passeio pelo fato de termos visitado Bath exatamente em um domingo.

A Abadia de Bath não cobra para a entrada de visitantes, apenas é sugerido alguns valores para doações para cada visitante. Já para o “Tower Tours” é cobrado o valor de 6 Libras por pessoa (adulto), veja os horários para cada época AQUI.

Endereço: Bath BA1 1LT, Reino Unido

Parede Gardens (Gardens Bath):

Bem próximo das Termas Romanas e da Abadia de Bath está localizado o Parede Gardens que é um complexo de belíssimos jardins às margens do Rio Avon, e de onde se tem a melhor vista para a Pulteney Bridge. O nosso objetivo de ir até o Parede Gardens era para tirar uma foto do rio e da famosa ponte da cidade. Mas nos encantamos pelo jardim, e acabamos ficando um pouco mais por lá.

Gardens Bath, em Bath
Parede Gardens, em Bath

Apesar de ser anunciada uma taxa de entrada de 1,50 Libras, no dia que visitamos a taxa não foi cobrada (janeiro/17). No verão, acredito que este jardim seja ainda mais belo, até por que é permitido aos visitantes fazerem piqueniques.

Para ler mais sobre o Parede Gardens, clique AQUI.

Endereço: Grand Parade, Bath, Avon, BA2 4DF

Pulteney Bridge:

Sabe aquele lugar que você gosta tanto que você volta novamente para ver como fica à noite? A Pulteney Bridge, assim como a Ponte Vecchio, em Florença, é uma das poucas pontes do mundo que possui lojas por toda sua extensão. Trata-se de uma ponte em arco, construída sobre o Rio Avon, e finalizada no ano 1773. Vale a pena apreciá-la tanto do Parede Gardens, quanto do outro lado do Rio Avon. Para ir até lá, é só atravessar a ponte e aproveitar para observar todas as suas charmosas lojinhas.

Pulteney Bridge, em Bath
Pulteney Bridge, em Bath

Endereço: Bridge Street, Bath, Avon, BA2 4AT

The Circus:

A caminho da Royal Crescent, você passará pela famosa The Circus, também conhecida como The King´s Circus, que é composta por três segmentos curvos de casas dispostas em forma circular. Infelizmente o arquiteto responsável pelo projeto, John Wood the Elder, faleceu pouco tempo depois de ter começado sua construção. Mas seu filho finalizou o projeto do pai iniciado pelo pai, em 1768.

The Circus, em Bath
The Circus, em Bath

Aproveite para olhar atentamente os detalhes do trabalho, onde é possível ver muitas curiosidades como emblemas, serpentes, símbolos náuticos, maçônicos, dentre outros. São casas belíssimas que inclusive tiveram algumas celebridades residindo em algumas delas, como o ator Nicholas Cage.

Casas no The Circus, em Bath
Casas no The Circus, em Bath

Infelizmente, durante o Bath Blitz, que foi um bombardeio alemão que teve na cidade em 1942, parte do The Circus foi bombardeada, e consequentemente muitas casas foram demolidas. Entretanto, as que foram danificadas já foram reconstruídos e restaurados no estilo original.

Endereço: The Circus, Bath BA1 2ET, Reino Unido

Royal Crescent:

É um dos melhores lugares para observar a arquitetura georgiana no Reino Unido. Royal Crescent foi foi construída e desenhada por John Wood the Younger, entre 1767 e 1775, em formato de uma semi-elipse de casas organizadas em torno de um grande gramado. Já foi lar de muitas personalidades importantes, e hoje, abriga um luxuoso hotel 5 estrelas, um museu de arquitetura georgiana e algumas casas privadas.

The Royal Crescent, em Bath
The Royal Crescent, em Bath

Endereço: Royal Crescent, BATH, BA1 2LS.

E foi ali, ao lado da Royal Crescent que vimos a primeira cabine telefônica cinza no Reino Unido. É muito comum avistarmos as famosas cabines vermelhas. Mas esta foi bem curiosa e diferente!

Uma das famosas Cabines Telefônicas do Reino Unido, na versão cinza, em Bath
Uma das famosas Cabines Telefônicas do Reino Unido, na versão cinza, em Bath

The Jane Austen Centre

A vaidade e o orgulho são coisas diferentes, embora as palavras sejam frequentemente usadas como sinônimos. Uma pessoa pode ser orgulhosa sem ser vaidosa. O orgulho relaciona-se mais com a opinião que temos de nós mesmos, e a vaidade, com o que desejaríamos que os outros pensassem de nós. Jane Austen (em “Orgulho e Preconceito”)

Para os fãs de Jane Austen, a famosa autora do romance “Orgulho e Preconceito“. The Jane Austen Centre é situado em uma casa de arquitetura georgiana original, e é uma exposição permanente, onde conta a história do tempo em que a mesma viveu em Bath, de 1801 a 1806, incluindo o efeito que a vida na cidade teve sobre ela e sua escrita.

The Jane Austen Centre, em Bath, na Inglaterra
The Jane Austen Centre, em Bath, na Inglaterra

Para a visita ser ainda mais completa, você pode tomar um chá-da-tarde no local, além de adquirir produtos da loja que se identificam com a autora.

Endereço: 40 Gay St, Bath BA1 2NT, Reino Unido

Para adquirir os tickets, clique AQUI.

Thermae Bath Spa

Nosso desejo era ter finalizado nosso dia em Bath no Thermae Bath Spa, um Spa muito elegante nas águas naturais e minerais da região, com vista para as belezas da cidade. Mas infelizmente, no inverno, os dias são muito curtos. Por volta das 16h já estava de noite. Então, optamos por aproveitar para conhecer a cidade, e não tivemos tempo de aproveitar um Spa no Thermae Bath. Mas quem tiver possibilidade, vale muito a pena!

Endereço: The Hetling Pump Room, Hot Bath St, Bath BA1 1SJ, Reino Unido

Faça também em Bath:

Audio Walking Tour

Veja onde comer em Bath:

O Visit Bath sugeriu alguns lugares para refeições em Bath. Veja clicando AQUI. Nosso fim do dia foi no The Bath Brew House, uma cervejaria bem bacana da cidade.

******

Gostaríamos de agradecer ao apoio que tivemos do Visit Bath e do Visit Britain durante nossa visita à cidade. Tanto as informações quanto os passes concedidos ajudaram muito!

🙂

 

Fabiane Teixeira

Brasileira, Mineira de Belo Horizonte, 35 anos, conhece 38 países, é Advogada e Professora de Direito Civil, e nas horas vagas Viajante e Blogueira. Junto com meu Fábio vamos conhecer e te apresentar o mundo!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Translate »
error: Content is protected !!